terça-feira, 21 de fevereiro de 2012

Angelina Jolie em entrevista ao programa 20 Heures



Angelina Jolie esteve na França para promover seu primeiro filme, "Na Terra de Sangue e Mel" como diretora e concedeu uma entrevista feita pelo jornalista Laurent Delahousse, ao programa de televisão “20 Heures,” do canal “France 2.”

Aos 36 anos, a atriz e agora diretora mostra uma nova faceta de seu talento. A atriz, e embaixadora do Alto Comissariado da ONU para os Refugiados, recentemente escreveu e dirigiu seu primeiro filme que mostra os horrores do conflito na Bósnia que aconteceram no inicio dos anos 90.

Laurent Delahousse: Angelina Jolie, como fez este filme?

Angelina Jolie: Durante dez anos, eu viajo em áreas de conflito ou pós-conflito. Eu passei um tempo no Kosovo e Sarajevo, e eu queria saber mais sobre a guerra na Bósnia. Então eu li muitos livros, assisti vários documentários, e fiz uma vasta pesquisa... Quanto mais eu mergulhei nos depoimentos das pessoas, mais eu queria compartilhar essa história com o mundo.

LD: Zana Marjanovic, a atriz principal, achou que o roteiro tinha sido escrito por um bósnio?

AJ: Ela me toca profundamente, porque eu fiz uma extensa pesquisa para entender a região. A maioria das cenas do filme são baseadas em evidências. Os próprios atores me ajudaram a construir a história. Todos foram afetados pela guerra e muitos deles viveram lá durante o cerco.

LD: Um deles comparou o seu estilo de direção ao de Clint Eastwood ...

AJ: Este é um grande elogio, porque Clint é um grande diretor e um grande amigo. Eu aprendi muito com ele. Notei que ele se envolve com pessoas que ele confia. No set, todo mundo se sente livre e trabalha em um estado de espírito positivo sem se levar a sério. Eu apliquei esta mesma abordagem.

LD: "Eu me senti culpado". Será esta uma vantagem de ser uma atriz?

AJ: Sim, porque eu sabia que essas cenas seriam difíceis de interpretar. Então eu fiz o meu melhor para que não houvesse muitas tomadas. Eu também tentei ter o tom apropriado para que os atores confiassem em mim. Tudo isso sem lhes dar conselhos, porque eu odeio quando os diretores me dizem como eu devo fazer. Eu preciso ser guiada para encontrar o meu caminho sozinha.

LD: Qual sua percepção sobre o conflito?

AJ: Frustração com a falta de intervenção e raiva sobre a violência contra as mulheres em tempos de guerra. No final da história, um dos caracteres se vai. Isso nunca aconteceu na vida real, mas é um dos meus sonhos secretos: que as pessoas assumam as suas responsabilidades. Caso contrário, eu me identifico com a mãe que perde seu filho, porque é o meu maior medo.

LD: Você ajuda aqueles que sofrem. Como é que é esse desejo?

AJ: Eu tive uma mãe que gostava de fazer o bem. Ela me criou muito bem, mas quando estava crescendo, me tornei uma adolescente bastante egoísta e destrutiva. Quando viajo, eu descubro como a maioria das pessoas viviam. Então sinto-me culpada. É como se eu tivesse sido esbofeteada. A partir desses vários momentos, eu me tornei uma outra pessoa. Quando você se depara com o sofrimento, é impossível não querer agir e ajudar.

LD: Como Brad Pitt e você transmitem isso para seus filhos?

AJ: Levamos todos connosco. Esperamos ensiná-los que existem outras formas de vida diferente das deles. Decidimos criar uma fundação para cada um deles. Para Maddox, nós estabelecemos uma clínica em Phnom Penh e uma fundação para proteger uma área ao norte do Camboja. Para Zahara, construímos uma clínica na Etiópia e Pax para, trabalhamos em um projeto de um orfanato ou outra clínica. Somos claros com eles sobre isso, mais tarde eles vão ter que investir nesses projetos e assumir a responsabilidade.




Veja mais fotos clicando aqui:


2 comentários:

Si disse...

Excelente matéria! A proveito para parabenizar o blog que é um enorme sucesso!
Sou fã da Angelina por muitos motivos...
Vi,outro dia, um documentário no GNT que abordava sobre os trabalhos comunitários que essa linda mulher propõe e faz!Comovente!
Esse blog está entre meus favoritos!
Desejo ainda mais sorte e felicidade!
Um grande abraço,
SI

Angelina Jolie disse...

Ola Si,
Fico feliz por você gostar do meu blog, faço ele com muito carinho e atualizo diariamente e Angelina é definitivamente uma excelente mulher, em todos os sentidos.

Bjoos

Postar um comentário

Fique à vontade para fazer comentários, críticas e sugestões, mas por favor sem ofenças a ninguem.
Obrigado por visitar o Blog Angel Jolie!